terça-feira, 1 de julho de 2008

Goodbye my friends, goodbyeee!

Estamos, finalmente, naqueles meses em que se consegue entrar no metro sem grande custo.
- O quê? A moça só pode bater mal!
Reviewing: Sim, eu sei que o preço dos bilhetes aumentou, mas refiro-me a outra coisa.
- Nada pode ser pior que o aumento dos transportes. É oficial, a moça bate mesmo mal!
E se eu disser: empurrões, pisadelas, cotoveladas na cabeça e mamas na cara?!
Não?
Reviewing: empurrões, pisadelas, cotoveladas na cabeça e mamas foleiras na cara?!
Agora sim!
(Subitamente a malta começa a dispersar)
Pois bem, meus amigos, foram-se os tempos em que quem descia do metro para facilitar as entradas e saídas, não voltava mais a subir. (O que me leva a outras reflexões...)

Boas férias, meu povão! Até Setembro...

2 comentários:

Ana Patrícia disse...

Sei bem a que te referes... É de acrescentar certas mãozinhas malandras a tentar explorar o corpo alheio... Enfim, quem anda de metro sabe que já não se pode ter educação de se sair de forma a quem está atrás também o possa fazer porque somos automaticamente atropelados por gente muito fina. Aliás quem anda de metro sabe que mesmo sem espaço cabe sempre mais um...ou dois... ou dez...

Senhor Albano disse...

Mamas na cara, mãozinhas exploratórias... este blog não devia ter um aviso prévio? Eu por mim está optimo. Gostosinho.