quinta-feira, 17 de dezembro de 2009

Está aberta a época oficial dos jantares de Natal

Há quem acredite nas suas próprias invenções. Ou talvez goste que o mundo seja como o idealizam. Ou simplesmente não consiga largar uma piada. Eu não sei.
O que sei é nem todas as pessoas receberiam bem a prenda de Natal que me deram. A coisa podia não correr bem. Mas tenho fair play. E, se tenho sentido de humor, reconheço-o nos outros, embora nem sempre seja rápida a perceber quando ele começa a ser inconveniente.
Do presente, recordarei as gargalhadas. E a possibilidade de comer pipocas.
Como conclusão, apraz-me dizer: não troco um amigo pela morte de um boato. Shall we go to the cinema?
P.S. - No jantar de Natal, fui oficialmente reconhecida como fã número um do homem que me faz rir à gargalhada com as suas piadas sem graça. Já aqui referi o senhor... o tal que tem o nome de esquilo, um programa de rádio e milhentos outros projectos giríssimos. E mais. Agora posso mandar-lhe mensagens madrugada dentro!
Digam lá, é ou não é Natal?

2 comentários:

Ana Patrícia disse...

Pela imagem, e pelas pipocas, calculo que envolva cinema e até estava numa de apostar no tipo de cinema mas tenho receio que a minha mente esteja a exagerar LOL mas como falaste em sentido de humor, que nem todos receberiam bem a prenda, caminhei para esses lados LOL

Reconhecida como "Fã nº 1 do Alvim" eheh já estou a imaginar essas mensagens de madrugada, sua malandra!

Beijinhos

Paloma disse...

pois princesa. um a mim e outro ao meu colega. arranjinhos, é o que é! são piores cós miuuudos! =P